Conheça a história de sucesso do judoca Walter Júnior

“Quando eu era adolescente vivia ocioso, vulnerável às drogas e à violência. Com o judô, aprendi a ter metas, a lidar com as pessoas. Tudo isso só apareceu na minha vida graças à Fundação Otacílio Gama”, conta o atleta, professor de judô e hoje aluno do curso de Fisioterapia da Faculdade de Ciências Médicas da Paraíba, Walter Júnior de Oliveira Pereira, de 23 anos.

A história de Walter, repleta de superação e vitórias, poderia ter sido diferente. Graças ao apoio da Fundação Otacílio Gama em um dos momentos mais difíceis da vida, a adolescência, Walter conseguiu construir um futuro melhor. Hoje, o atleta além de professor de judô da Fundação Otacílio Gama, é aluno da Faculdade de Ciências Médicas da Paraíba. Destaque do judô da Paraíba, Walter participa desde os doze anos das atividades esportivas e sociais promovidas pela Fundação Otacílio Gama.

Foi por meio da Fundação que ele descobriu a prática do esporte e hoje comemora bons resultados: “Já participei de mais de cem campeonatos e já ganhei mais de sessenta medalhas”.

Este é o principal objetivo da Fundação Otacílio Gama, formar atletas e cidadãos. Atualmente, muitas crianças e adolescentes aprendem noções de esporte e cidadania na Fundação Otacílio Gama.

Para Walter, o trabalho social desenvolvido pela Fundação é o grande responsável pelas vitórias alcançadas na sua vida. “No treino de Judô não aprendi só o esporte, mais uma filosofia de vida. Com o judô, aprendi a ganhar e a perder. Isso foi muito importante pra mim”, conta o atleta.

O exemplo do sucesso no trabalho desenvolvido pela Fundação Otacílio Gama está implícito no maior sonho do atleta Walter Júnior: poder, um dia, assim como a Fundação Gama, devolver para a sua comunidade tudo o que aprendeu até hoje. “Hoje, eu quero ser uma referência. Um dos meus sonhos é ter meu próprio trabalho social. Gostaria de, assim como a Fundação Gama, construir novos campeões”, finaliza.